quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Abram alas, Ano Novo às portas.


Que ensinamentos assimilamos ao longo do ano que finda e o que gostaríamos de ter como certeza absoluta neste ano vindouro? Deseja uma certeza absoluta? Que tal? Você é especial, único e completamente capaz de mudar sua estória, caso realmente queira.

O que aprendemos cabe a cada um de nós enumerá-los em um balanço e ao priorizá-los, na ordem de sua importância tentar colocá-los em prática, pois um aprendizado (por mais difícil que pareça) precisa ser efetivado. É na prática e persistência que adquirimos destreza. Sugiro também que faça hoje mesmo uma lista dos seus pertences (inclua tudo, verá que sua vida não foi um desperdício afinal e que seus ganhos foram no mínimo, significativos.) Não esqueça de listar o "pessoal" e lembre-se, as pessoas com as quais convivemos e amamos são o maior acervo que poderíamos conquistar ao longo de nossa existência. São poucos? Muitos? Uma torcida inteira? O que importa é a qualidade do vínculo, do apreço. Coleções às vezes só ocupam espaço e empoeiram esquecidas em algum canto, outras servem apenas como fermento bolorento inchando o orgulho de quem as possui. Só você determina o que te faz realmente feliz.

Liste os bens que você possui em casa, começando por ela, naturalmente. (Aluguel? E daí? Com determinação e esforço é possível mudar isto.)

    a) Tenho um teto sobre a minha cabeça. (Não foi preciso dormir embaixo de uma ponte, embaixo da marquise de uma confeitaria, ou em um lote vago ontem à noite.)
    b) Tenho com o que me alimentar. (Não precisei mendigar comida e tampouco revirar o lixo.)
    c) Tenho pessoas queridas que zelam e se preocupam comigo. Não estou abandonado, esquecido ou jogado às traças e ainda que o “distinto” ou a “distinta” tenha partido em direção oposta, sempre há um ombro amigo e uma palavra de conforto, além do que, a fila anda e a vida continua, oras!
    d) Que beleza! Tenho a propriedade inalienável de sonhar, estabelecer meus objetivos e fazer algo de bom e construtivo com a minha vida. Nada como um dia após o outro, um recomeçar oportuno, um rever de posicionamento, uma ATITUDE!
    e) Possuo a fé que me permite enfrentar todos os amanhãs. Se considera-se um ateu, por que então ao dormir ontem planejastes seu dia de hoje, ainda que teoricamente? Porque teve fé de que acordaria? Porque tem fé na vida? Porque acredita que sua existência não se formou no limo? Alguém te projetou e dotou-o de capacidade.
    f) Tenho um trabalho a fazer. (você pode até não gostar do que faz, mas o que tem feito de fato a este respeito?) Sou mental e fisicamente apto para o trabalho, contribuo, faço diferença.
Acredite! A vida nos sorri festiva quando a visualizamos por outras perspectivas, quando enxergamos o que já temos de bom e reconhecemos sua generosidade para conosco. Não podemos esquecer de listar o nosso passivo. Se eles forem em número maior que os ativos estamos à beira da falência e precisamos de uma grande injeção de fé positiva e “mãos a obra”, é hora de virar este jogo! Somos seres únicos, especiais e amados por Deus, sendo assim podemos contar sempre com a sua ajuda.

Embarque neste novo ano carregando em sua bela mochila, uma dose exagerada de otimismo, uma porção considerável de sorriso, e uma fé inalienável em Deus e na obra prima de suas mãos, VOCÊ.

FELIZ 2012! Muita saúde e paz, e como cantou Rionegro e Solimões, “o resto agente corre atrás.

8 comentários:

  1. Você é especial,
    Capaz de mudar sua estória
    Não será difícil afinal
    Existe coisa contraditória!

    Muita gente causa o mal,
    Cada um pensa diferente
    O que adiante ser especial
    Se o mundo está doente?

    A cura onde está ela,
    Na maldade guardada
    Quem anda à procura dela
    Não será encontrada?

    Um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  2. Que venha ele.. o 2012 e que não venha tão carrancudo quanto o pintam!

    Um bom ano também para ti.

    ResponderExcluir
  3. Desejo-lhe um ótimo Ano Novo!!! E que continue ao longo de muitos outros a divulgar sua maravilhosa maneira de escrever tanto em prosa como em poesia.

    Beijos,

    Jorge

    ResponderExcluir
  4. Maravilhosas palavras! Um encanto!

    Um Feliz 2012 Vitalina para vc e todos os seus!

    Bj

    ResponderExcluir
  5. Cara poeta, que 2012 seja repleto de inspiração, amor e paz!
    Feliz ano novo!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Que em 2012 possas concretizar muitos dos teus projectos e que ele seja menos farrusco do que o pintam!
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  7. .


    Feliz ano novo. Pensamento
    positivo e crença no futu-
    ro.
    No Espírito Santo o lança-
    mento dos meus dois outros
    livros foi muito interessan-
    te e por que não dizer,en-
    cantador...

    silvioafonso.






    .

    ResponderExcluir
  8. Que mais te posso desejar, senão um ano cheio de momentos felizes?
    Que mais te desejar, senão a continuação da nossa alegria?
    E quero, também, mesmo assim, agradecer ao que findou, a oportunidade da nossa amizade!
    E com a fé em que acreditamos, que nos seja mais fácil suportar os dias de cinza!
    Um bom 2012, Vi.
    Terno abraço

    ResponderExcluir


Queridos!

Seu comentário muito me honra!

Sinta-se à vontade para avessar comigo.

Beijos e até.